Animais em Extinção

Peixes

Atualmente, existem mais de 238 espécies e subespécies de peixes e invertebrados aquáticos no país sofrendo ameaças de extinção. Entre elas, 41 espécies apresentam um estado mais crítico, como o ouriço do mar irregular, o marisco do junco, o surubim e o cação bico doce.

Algumas Espécies de Peixes Em extinção São:

Carcharhinus porosus – Tubarão azeiteiro;

Carcharhinus signatus – Tubarão toninha;

Galeorhinus galeus – Cação bico de cristal;

Mustelus schimitti – Cação bico doce;

Squatina guggenheim – Cação anjo;

Tubarão galha branca; e outros.

Animais em Extincao

Animais em Extincao

A grande maioria desses animais que está sofrendo com o desaparecimento de sua espécie, sofre extinção devido a perda de seu habitat, que muitas vezes são regiões da Mata Atlântica e estados litorâneos. A perda de seu habitat dá-se devido a ação humana, como construções.

Para saber mais entre no site oficial do IMAMA, ou procure documentos originais divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. O quarto documento divulgado pelo IBGE, lançado em 2006, tem informações sobre mamíferos, anfíbios, aves, répteis, insetos, e outros invertebrados terrestres que podem entrar em extinção, ou seja, totalizando uma lista de 632 espécies.

Aracnídeos

Os aracnídeos são animais que pertencem à classe do filo dos artrópodes, os quais são as aranhas, ácaros, escorpiões, carrapatos, opiliões e outros. Compreendendo mais de 60 mil espécies nesse grupo. O nome dessa classe deu-se por causa figura da mitologia grega Arachne, devido ao fato de a aranha ter sido os primeiros membros a pertencer a esta classe. Todas as espécies que pertencem a essa classe, são animais terrestres.

Conheça Alguns Aracnídeos Que Se Encontram Em Extinção ou Até Mesmo já Extintos.

Anapista guyri – aranha, em extinção;

Giupponia chagasi – opilião, em extinção;

Haptopoda – extintos;

Ianduba caxixe – aranha formiga, em extinção;

Ianduba patua – em extinção;

Ianduba pau-brasil – em extinção;

Iaduba vatapá – em extinção;

Iandumoema uai – opilião, em extinção;

Maxchernes iporangae – escorpião, em extinção;

Mesothelae – aranhas primitivas, raras;

Pachylospeleus strinatii – opilião, em extinção;

Palpigradi – raros;

Phalangiotarbida – extintos;

Phoneutria bahiensis – aranha, em extinção;

Pseudochthonius strinetti – escorpião, em extinção;

Spaeleoleptes spaeleus – opilião, em extinção;

Stegodyphus Manaus – aranha, em extinção;

Trigonotarbida – extinto.

Anfíbios

A extinção tem se tornado uma ameaça real para muitas espécies de animais e os Anfíbios não escaparam dessa lista. Trata-se de uma ameaça causada tanto pela destruição do habitat em que esses animais vivem como também pela caça predatória e com vista a utilizar o animal para a produção de algum bem de consumo.

Conheça a Lista de Anfíbios em Risco de Extinção:

Melanophryniscus dorsalis – Sapinho-de-barriga-vermelha

Hylomantis granulosa – Perereca-verde

Melanophryniscus macrogranulosus – Sapinho-narigudo-de-barriga-vermelha

Hyla cymbalum – Hypsiboas cymbalum

Hyla izecksohni – Bokermannohyla izecksohni

Scinax alcatraz – Perereca-de-Alcatrazes

Phrynomedusa fimbriata – aparentemente não existe

Thoropa lutzi – aparentemente não existe

Thoropa petropolitana – aparentemente não existe

Phyllomedusa ayeaye – Perereca-de-folhagem-com-perna-reticulada

Adelophryne baturitensis Hoogmoed – aparentemente não existe

Adelophryne maranguapensis – aparentemente não existe

Holoaden bradei – aparentemente não existe

Odontophrynus moratoi – Sapinho

Paratelmatobius lutzii – aparentemente não existe

Physalaemus soaresi – aparentemente não existe

Algumas dessas espécies já estão extintas, e são as que têm status de “aparentemente não existe”. A preservação dos animais é importante para manter o equilíbrio.

Animais em Extincao

Animais em Extincao

2 comentários

  1. eu estudo animais em extição

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>