Raça Chow Chow: Histórias e Características

Introdução

Que os cachorros são os melhores amigos dos homens todos já sabemos, o que ainda não aprendemos é lidar direito com as diferenças entre as raças e encontrar uma que seja a ideal para a família que temos, já que cada uma tem seu comportamento próprio, suas características.

Raça Chow Chow: Histórias e Características

Raça Chow Chow: Histórias e Características

Cada uma das raças é ideal para cumprir seu objetivo, como guardar as residências, brincar com as crianças, companhia para os idosos e ainda muitas outras, mas todas elas requerem cuidados especiais, especialmente carinho e atenção. Além de tê-las como seres vivos, não apenas como objetos decorativos ou de exposição.

Dentre as diversas raças que chamam a atenção bela beleza, inteligência e docilidade há a Chow Chow, também chamada de Spitz Chinês em algumas localidades, e leva esse segundo nome em decorrência de sua origem, a China. Mesmo tendo sido criada num continente tão distante, acabou espalhando-se para o resto do mundo.

Uma das características que mais chama a atenção na raça Chow Chow é sua pelagem fofa e abastada que pode ser de cores variadas como caramelo, preto, marrom, branco, seu olhar dócil e amável que quase chega a ser triste, além de seu porte extremamente elegante.

História

A Raça Chow Chow criou-se na Mongólia, sendo que lá tem seu nome peculiar, cujo significado é Cão Leão Empolado. É reconhecida entre os líderes Chineses, inclusive com figuras que remetem à sua imagem em decorações de objetos nas Dinastias Tang e Han, aproximadamente 206 a.C.

Raça Chow Chow: Histórias e Características

Raça Chow Chow: Histórias e Características

Essa raça possui particularidades únicas, como sua origem, por exemplo, que ninguém sabe dizer ao certo como se deu, uns especulam que tenha sido do cruzamento entre Sptiz e Mastins. Entretanto, ninguém consegue explicar a coloração de sua língua, por ser azul, num tom bem escuro.

Algumas lendas chinesas dão conta que a cor azul da língua do Chow Chow está relacionada a um descuido de Deus, que quando pintou o céu de azul, deixou cair um pouco de tinta na terra e o Chow chow a lambeu, daí a cor azulada da língua, que faz a admiração de tanta gente, que opta por ter esse animal em casa.

A história diz que essa raça foi a preferida de muitas celebridades, dentre elas o famoso psiquiatra e escritor Dr. Sigmund Freud e ainda Konrad Lorens. Por serem diferentes dos demais cachorros conhecidos, o Chow Chow chegou a ser exposto em zoológicos de algumas localidades, como animal bizarro e exótico.

Características

A raça Chow Chow determina cães extremamente versáteis, independentes, dóceis e ainda voluntariosos, principalmente se convivendo com donos de pouca experiência. São capazes de ter domínio total da casa, escolhendo a hora e onde dormir, quando se alimentar e tudo o mais.

Apesar do porte médio, engana-se quem pensa que esse cão não é bom guardião, ao contrário ele é um excelente defensor da casa e das pessoas, e ainda possui a característica da esperteza e do bom faro a seu favor, sendo, inclusive, usado como cão caçador em algumas localidades, por sua habilidade e força na corrida.

Outra característica que também salta aos olhos de quem o vê é sua semelhança com o felino leão, especialmente em decorrência de seu porte majestoso e seu grande equilíbrio. Apesar de lindíssimo, não fica pulando nas pessoas, nem exigindo a atenção total para si, tendo comportamento muito mais reservado.

A Aparência Do Chow Chow:

  • Possui um nariz avantajado e de coloração preta.
  • Os olhos são pequenos e escuros, e expressam grande docilidade, cujo formato é amendoado.
  • Suas orelhas são bem pequenas, de formato pontiagudo e com uma grande separação entre si.
  • Seu peito é largo, porém, seu dorso já é mais curto, com aspecto forte e robusto.
  • Sua cauda é alta e com bastante pelagem, sendo dobrada e virada para o lado de cima.
  • Sua pelagem é espessa, abundante, reta e lisa, não sendo macia quando tocada, entretanto, os pelos mais profundos são mais lanosos e suaves.
  • Sua altura mínima é de aproximadamente 45 centímetros e o que se deve levar a conta na hora da compra não são as informações isoladas da raça, mas a harmonia do todo.

Comportamento 

Se o Chow Chow pudesse ser definido em apenas uma palavra, esta certamente seria independência. Já que os cães dessa raça conseguem sobreviver bem sem um afeto exagerado e quando sentem falta de carinho, eles mesmo o solicitam através de um comportamento próprio, cujo dono sabe bem qual é.

Além disso, os cachorros dessa raça têm um forte espírito hierárquico, sendo especialmente obedientes à pessoa que reconhecem como líder, não necessariamente é quem os alimenta, mas quem eles sentem que possa exercer essa liderança, inclusive, alguns cães podem apresentar certo ciúme da pessoa escolhida.

Outra característica de comportamento bastante apreciada é o fato desses cães não latirem o tempo todo, como muitas outras raças, por isso, quando um Chow Chow late, pode saber que, de fato, alguma coisa está errada, então, fique em alerta!

O Chow Chow não é um cão de fácil adestramento, pois têm consciência de seu aspecto físico, em razão disso, não se submete a qualquer pessoa, mesmo que esta seja profissional no assunto. Ele, além de disso, é extremamente fiel, sendo capaz de defender seu dono até as últimas consequências, mas não aceita desaforo, nem humilhação, se tratá-lo dessa forma, jamais terá seu apreço e admiração.

Quando há no relacionamento familiar uma criança, ela deve agir com o Chow Chow com grande respeito, não o fazendo de brinquedo, nem querendo que lhe faça as vontades, já que isso não acontecerá, especialmente se ele estiver dormindo ou comendo, a distância deve ser sempre respeitada, sob pena de que o cão fique estressado.

Ficha Técnica:

País de Origem: China

Nome: Chow Chow

Raça destinada a: Companhia e cão de guarda

Temperamento: Leal, independente, calmo

Porte: Médio

Nível de adestramento: Médio

Lembrando que um novo cãozinho em casa requer que os hábitos sejam remodelados, pois, além de ser uma grande diversão, ele é uma membro da família e, por isso, deve ser tratado com muito amor, respeito e dedicação.

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Raças

Artigos Relacionados


Artigos populares

Comentários

  • Por Favor Eu Sou Apenas Uma Criança Estou “LOUCA” Para Conceguir Adotar Uma Cachorrinha Por Favor Eu Sou Muito Sozinha Não Tenho Amigos E Quero Uma Amiguinha !!!! Obrigado

    isabella 18 de julho de 2013 20:49
  • MEU SONHO É TER UM CHOW CHOW, EU ADORO ANIMAIS TENHO APESAR DE TUDO 2 CACHORROS UMA POODLE E UM BACE E UMA GATA ANGORÁ.. E adoraria ter um lindo cachorrinho desse. sei todos os cuidados de um cachorro eles devem ser tratados super bem e serem educados de forma sem agressão

    TALITA COSTA 28 de fevereiro de 2016 9:12

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *