Rato Espécies Representativas

No mundo encontramos uma diversidade não imaginável de animais. São diversas fiilos no reino animal e cada um com várias classes, cada classe com inúmeras famílias,  havendo ainda dentro dessa alguns gêneros que pode ser por sua vez subdividido em algumas espécies. Dentro de um mesmo gênero podemos observar que há espécies que são altamente perigosas ao homem, que trazem doença e podem até matar já há outras espécies que são dóceis e podem até mesmo tornar bichinhos de estimação ao serem domesticados. Exemplos de animais que podem ser citados por possuirem essa dualidade são as cobras, sapos, ratos, dentre outros.

Hoje trataremos sobre os ratos que são animais vistos pela maioria das pessoas como sujos e sinônimo de doenças, mas as vezes esquecemos que podemos encontrar espécies que podem ser nossos bichinhos de estimação.

Aspectos Gerais dos Ratos

Rato é uma designação que se refere a diversos mamíferos que estão dentro da ordem dos roedores. Eles estão dentro da família Muridae, Cricetidae, Heteromyidae, Diatomyidae e Bathyergidae. A maioria deles possuem um focinho pontudo com a abertura da boca logo abaixo das narinas. Possuem orelha na parte superior de sua cabeça alongada e olhos arredondados e pequenos. Geralmente possuem pelos de coloração cinza, mas há ratos com pêlos puxado para o bege e alguns com pêlo branco (esses são mais utilizados em laboratórios, para realização de pesquisas na área da saúde ou na estética). Ao final do corpo do rato há uma cauda circular e livre de pêlos em toda sua extensão, que comumente é longa.

As espécies mais conhecidas desses roedores são os Mus musculos, que é um típico rato doméstico, Rattus rattus e Rattus norvegicus, que popularmente é mais conhecido pelo nome de ratazana e essas que são mais vinculadas aos aspectos negativos que os ratos carregam, pois podem transmitir doenças, pois habitam lugares imundos como esgotos e córregos poluídos. Podemos encontrar algumas espécies desses animais que são silvestres, sendo a espécie mais comum o conhecido rato do campo ou rato do mato, sendo um importante bichinho para a cadeia alimentar, já que serve de alimento para grandes aves como, por exemplo falcões e águias. Além desses há o Peromyscus leucopus e Peromyscus maniculatus, popularmente chamados de camundongos.

Rato Espécies Representativas

Rato Espécies Representativas

Espécie Mus musculus

O Mus musculus é uma espécie de roedor da família dos murídeos que tem origem na Europa e na Ásia, mas hoje em dia pode ser observado em praticamente todo o mundo, pois esse bichinho pode se adaptar a uma grande diversidade de ambientes e climas. Essa espécie de roedor é bem pequena e tem pêlos da coloração cinza ou até mesmo branca. Foi durante o século passado que essa espécie de rato começou a ser utilizada em laboratório, tornando um modelo experimental para poder se conhecer e estudar a genética. Ele possui diversos aspectos que se aproximam bastante com o homem.

O curiosa desse bichinho é que possuem o corpo muito flexivel e podem se locomover em locais com espaço bem pequeno. Ele podem subir pelo exterior de canos e calhas verticais apoiando o corpo na parede e as patas no cano e pulam até um metro de altura.

Espécie Rattus rattus e Rattus norvegicus

Essa são duas espécies semelhantes e que possuem como principal diferença apenas o tamanho de cauda, sendo na espécie Rattus rattus a cauda maior que o corpo, com o fim de se agarrar, já a espécie Rattus norvegicus a cauda é menor que o corpo. O Rattus norvegicus que é o mais conhecido popularmente como ratazana, sendo o Rattus rattus confundido com esse e possui nomes populares como rato preto ou rato de navio.

Esses são um dos ratos mais encontrados no meio urbano e são associados a transmissão de doenças como Leptospirose, que ocorre após contato da urina do rato em contato com pele ou mucosas do homem. A mordida do rato pode ocasionar uma febre que é transmitida do contato da saliva do roedor com o organismo da pessoa. Esses bichos são associados a lugares sujos e também a chuvas e enchentes, que favorecem seu aparecimento.

Espécie Rato Do Campo

A espécie de rato do campo é um dos roedores mais abundantes no Brasil. Esse pertence a família Muridae e dos gêneros Holochilus, Orizomys ou Mastomys. Esse roedor gostam de se instalar longe de habitações humanas e próximo a plantações, principalmente plantações de cereais. Esse roedor possui os pêlos avermelhados ou de coloração cinza. A vida desse bichinho costuma ser curta, não passando de um ano de vida. Se não forem numerosos no local esses servem de equilibrio para a cadeia alimentar, mas se houver sua concentração por falta de predadores esses bichinhos são capazes de invadir as áreas agrícolas e causar pânico devido o caos que gera para os plantadores.

Essa espécie também pode ser portador de agentes que causam doença, mas não é um fator que causa ameaça para os animais domésticos e nem mesmo fator de preocupação para a saúde pública brasileira. Eles se alimentam de bagas, frutos, sementes como castanhas, bolotas, pinhões, além de se alimentarem também de caracóis, minhocas e insetos. Algo curiso dessa espécie de roedor é que durante a lua cheia suas atividades e deslocamentos são reduzidos, sendo interpretado como um mecanismo anti predatório.

Espécie Peromyscus maniculatus

Essa espécie de rato é conhecida popularmente como rato veadeiro  e é mais encontrado em dunas do estado de  Nebraska nos Estados Unidos  da América. Esse  roedor possui os pêlos de uma coloração mais clara, sendo um cinza acastanhado e seu ventre, geralmente possui uma coloração branca. Esse rato possui um tamanho de corpo pequeno pequeno com uma cauda proporcional.

Espécies Mais Utilizadas Em Laboratório

Os ratos possuem sua importância para a evolução da medicina, pois são utilizados como cobaias para teste de medicamentos que levam a cura de diversas doenças humanas, além de servirem para verificar a evolução de determinadas doenças do homem para ser possível aos cientistas entender um pouco mais sobre como ocorre aquele patologia para assim ser possivel descobrir sua cura. Dentre todas as espécies as que mais são utilizadas em laboratório são as Mus musculus, conhecida como camundongo e a espécie Rattus novergicus.

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Roedores

Artigos Recentes

Artigos Relacionados


Artigos populares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *