Papagaio

Os papagaios predominantemente na América do Sul e na América do Norte, mais no México, somam cerca de 30 espécies. Todos pertencem a família Psittacidae e têm como cor predominante, das penas, o verde. Além disso, o corpo é caracterizado por pescoço, pernas e asas curta, o mesmo pode ser observado com a cauda.

Características dos Papagaios

O corpo todo pequeno, incluindo a cauda curta, porém, com um bico forte e recurvado, capaz de quebrar facilmente sementes. A língua cheia de papilas gustativas é bem sensível e grossa e o papagaio tem grande facilidade de manobra dos alimentos dentro da boca. No papo, os papagaios podem armazenar alimentos durante horas.

Além disso, a ave possui uma ótima visão. Outra característica são os dois dedos para frente e outros dois para trás, por isso, são classificados como zigodáctilos. Essa característica facilita a forma como os papagaios conseguem manusear os alimentos e os levam facilmente com as patas até a boca.

Identificação da Idade e do Sexo dos Papagaios

O macho e a fêmea dos papagaios possuem a mesma aparência, são chamados de monomórficos, que nomeia esse tipo de característica. Por isso, olhando um e outro não é possível dizer se é uma fêmea ou um macho. Somente através de um exame de DNA, que deve ser feito com uma gota de sangue do animal, é que podemos dizer o sexo.

Outra forma que é possível fazer essa identificação é através de uma laparoscopia, que é um procesimento cirúrgico, que exige que o pássaro seja anestesiado. Depois disso, é usado um endoscópio no abdômen onde se pode ver se existe a existência de um ovário ou de testículos para determinar o sexo do papagaio.

As aves jovens, quando ainda não ultrapassaram os 8 meses, possuem a íris dos olhos na cor marrom escura, quando ficam mais velhas, a cor é bem mais clara, o que ajuda a determinar a idade do papagaio. Normalmente, um papagaio chega a viver 20 anos, mas existem registros de aves que viveram 80 anos.

Como os Papagaios Se Alimentam na Natureza

Podemos dizer que os papagaios possuem uma dieta bem variada que inclui flores, sementes, brotos e algumas vezes, insetos, quando eles estão nas frutas. Na Mata Atlântica, o alimento preferido dessas aves são as sementes de palmito.

O horário preferido para alimentação dos papagaios é nas primeiras horas do dia e no fim de tarde. Eles estão sempre em bando na natureza, mas costumam se separar durante o período reprodutivo, em casais.

Quando o papagaio vê uma pessoa que reconhece, sacode a plumagem de forma vigorosa, como uma forma de dizer “oi”. Normalmente, eles são canhotos e adoram a chuva. Assim como gostam de ficar de cabeça para baixo e na hora de dormir, estão sempre empoleirados.

Os papagaios são considerados animais muito inteligentes e ao mesmo tempo gostam de estar sempre desenvolvendo alguma atividade, caso contrário, começam a mostrar um comportamento que não é normal.

Como é a Reprodução dos Papagaios

Somente quando estão entre quatro ou seis anos é que amadurecem sexualmente. A incubação demora entre 24 a 28 dias e normalmente, a postura é de três a no máximo quatro ovos.

Eles se juntam em casais e se afastam do grupo. Depois preparam os ninhos nos oco de uma árvore ou em qualquer outra abertura que encontram. Quando nascem, os filhotes não tem uma pena, são nus e precisam muito dos cuidados dos pais.

Legislação e Ética Sobre Animais Silvestres

Os papagaios são aves queridas, principalmente pelas crianças, mas é necessário para adquirir uma dessas aves que você entenda a legislação brasileira no que diz respeito aos animais silvestres. A lei de 1988 determina que a posse de papagaios ou de qualquer outro animal exótico só pode ser concluída, caso este, venha de um criadouro que tenha a autorização do IBAMA para funcionar. Com isso, quem adquirir o papagaio de forma legal terá também toda a documentação referente.

Uma das maiores preocupações das autoridades é com as pessoas que estão adquirindo o papagaio e outros animais que têm origem do tráfico. Pode se tratar de animais que foram retirados da natureza ilegamente, sem nenhuma preocupação. Aliás, muitos dessas aves, por exemplo, acabam nem mesmo chegando no lugar de destino para venda, elas morrem no meio do caminho.

Quem compra um animal oriundo da venda ilegal, do tráfico de animais, também está cometendo um crime. A caça, perseguir, pegar, matar e utilizar animais silvestres, o papagaio é um deles, pode ser penalizado com multa e prisão que pode variar entre 6 meses a um ano. Quem vende, compra, mantém preso e tranporta animais silvestres pode ser preso também entre 6 meses e 1 ano e deve pagar multa.

Em 1999, foram estabelecidos as seguintes multas: quinhentos reais para cada animal silvestre fora do seu habitat natural sem a devida autorização do IBAMA. Se o animal estiver na lista oficial da fauna brasileira e que está ameaçado de extinção, o valor da multa sobe para 5 mil reais.

Basta que um fiscal do IBAMA encontre na sua casa um papagaio e que você não tenha a devida documentação, para que automaticamente seja considerado crime e a lei seja aplicada, com multa e até mesmo com prisão. Porém, normalmente, o que acontece é a retirada do animal e a aplicação de multa, a prisão, neste caso, não é feita.

Caso a pessoa que está em posse de um papagaio conseguido de forma ilegal, com traficantes de animais, decida entregá-o as autoridades competentes, as sanções não serão aplicadas. Nem mesmo a multa. A entrega de forma espontânea ao órgão do meio ambiente anula qualquer tipo de sanção.

Antes de comprar um papagaio ou qualquer outro animal saiba que são considerados animais sob proteção os animais da fauna silvestre, incluindo todos aqueles que fazem parte de espécie nativa, aquática, terrestre e migratória. Se todo o ciclo de vida de um animal acontece dentro do Brasil, seja na terra ou na água, ele passa a ser protegido pela legislação brasileira.

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Aves

Artigos Relacionados


Artigos populares

Comentários

  • como consigo um papagaio para mim
    por favor me responda to querendo muito um
    mais num acho

    luan 17 de setembro de 2011 19:56

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *