Jabuti Machado

Répteis é o que temos por todos os lados do mundo. O Brasil é campeão em espécies diferentes de répteis e variedades.
O réptil que vive e se protege em seu casco ósseo é conhecido através de três nomes populares, Cágados, Tartarugas e Jabutis.

Muitos confundem esses animais, mas a distinção é simples, os cágados são animais que vivem na água doce, mas também caminham bem na terra, as tartarugas são animais aquáticos de águas salgadas, e o jabuti, é um nome indígena, utilizado para diferenciar as espécies terrestres, ou seja, os jabutis vivem na terra.

Maior

Temos o Jabuti-tinga, que é o maior da espécie e muito diferente do jabuti-machado, que não se parece nem um pouco com os outros jabutis, de jabuti é somente o nome, esse quelônio (nome pouco utilizado, mas que se refere tanto ao cágado, quanto ao jabuti e a tartaruga) se parece mais com um cágado, conhecido cientificamente como Platemys platycephala.

Características

É fácil distinguir um jabuti machado dos outros jabutis, ele é na verdade um animal semi aquático, possui patas com membranas para viver dentro d’água e gosta de passear e se alimentar na terra, sua cabeça é achatada por isso o nome cientifico da espécie platycephala, a carapaça é oval de cor alaranjada, algumas manchas no tom preto e marrom amarelado, as fêmeas são menores, possuem a cauda pequena e plastrão reto, enquanto os machos possuem o plastrão côncavo e cauda comprida. Chegam a medir cerca de 18 centímetros

Procriação

Os ovos de jabuti ficam incubados por até 170, geralmente a fêmea põe somente um ovo nas proximidades da água em que vive.

Acasalamento

O acasalamento acontece a partir de março e vai até dezembro, para casal quelônio não há lugar específico para o acasalamento, eles podem se acasalar tanto na água como na terra.

Alimentação

É um animal onívoro, quando está dentro d’água, se alimenta de pequenos peixes, insetos, ovos de anfíbios, camarões, e quando passeia pela terra, comem diversos tipos de verduras e frutas.

Já os filhotes são extremamente carnívoros, mudam sua alimentação ao chegar a maturidade.
Não é um animal agressivo, é difícil de encontrá-lo, pois se esconde entre as vegetações.

Onde encontrá-lo?

Diversos zoológicos possuem alguns animais dessa espécie, mas pode ser encontrado em pântanos, rios e lagos calmo, procuram para viver ambientes com a margem bem úmida e com diversas plantas que seja de fácil utilização para esconderijos.

Especie

São originários da América do Sul, encontrados com facilidade no Peru, Suriname, Colômbia, Venezuela, Centro oeste do Brasil, nordeste e bacia Amazônica.

Apesar de viver grande parte do seu tempo dentro d’água, essa espécie não nada muito bem, e tem a necessidade de descansar periodicamente, por isso preferem locais que não tenham uma profundidade da água muito grande.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>