Dicas Para Cuidar De Cachorro Recém Nascido

Os cães são os melhores amigos do homem com certeza e quando encontramos filhotes abandonados nas ruas o primeiro impulso é recolher os peludinhos e levar para o aconchego do lar, não é mesmo? Porém, como saber que estamos fazendo tudo corretamente para que os pequeninos cresçam saudáveis?

Outra situação bastante recorrente é ter que auxiliar a cadela que acabou de dar a luz a uma ninhada. Enfim sejam filhotes recolhidos na rua ou filhotes nascidos na sua casa é importante saber como cuidar dos pequeninos. Elaboramos dicas especiais para as duas situações.

Filhotes Encontrados Na Rua

As Fases Da Vida De Um Filhote

O momentos mais crítico da vida de um filhote é aquele das primeiras quatro semanas de vida, pois é nessa fase que ele perde o seu cordão umbilical e começa a viver literalmente. Em torno do terceiro dia ele perde o cordão que o ligava a mãe, lá pelo décimo dia ele abre os olhos e somente entre 30 e 40 dias de vida ele desenvolve os primeiros dentes.

Durante essa fase o cão filhote é um animal dependente que precisa se alimentar a cada duas horas na primeira semana e depois a cada três horas nas duas semanas que se seguem e de quatro em quatro horas na quarta semana. Quem decide cuidar de filhotes deve estar pronto para sacrificar algumas horinhas de sono.

Os cães não têm um crescimento linear como os seres humanos, para se ter uma ideia eles atingem a idade adulta em apenas um ano. Durante a sua primeira fase de vida os caninos chegam a aumentar 10% do seu peso ao dia. Por isso é fundamental se alimentar bem e com frequência nesse período. 

Teste De Sucção

Quando você encontra filhotes na rua e eles são bem pequeninos é importante fazer o teste de sucção em primeiro lugar. Para isso coloque um dedo na boca do animal para ver se ele consegue sugar, como se estivesse mamando. Se ele não consegue mamar é sinal de que está debilitado e pode vir a precisar de alimentação intravenosa. Se esta é a situação você deverá ir com o filhote a um veterinário.

Cuidando De Um Recém Nascido

Para cuidar dos filhotes em casa será necessário contar com alguns itens como muitas toalhas (grandes e pequenas), fio dental, seringas sem agulha, termômetros portáteis e de parede (será necessário verificar a temperatura do seu amiguinho e do ambiente em que ele está), jornais e bastantes sacos de lixo.

Saiba que nessa fase, principalmente estando os filhotes sem a mãe, podem ter diarreia, vômitos e chorar muito. Observe o ganho de peso do filhote, se perceber que está muito lento procure um veterinário. 

Limpeza

Os banhos somente são permitidos a partir dos dois meses de idade e desde que os cães estejam saudáveis. Durante esse período você pode e deve limpar os filhotes usando uma toalha ou mesmo um pano embebido em soro fisiológico, limpe bem o ânus e os genitais. Para os olhos use algodão embebido em água morna.

Alimentação

O alimento mais indicado para os filhotes é o leite materno, quem tem uma cadela em casa poderá tentar uma adoção da parte dela. Em geral as cadelas tendem a adotar os filhotes alheios com muito boa vontade. Se você não conta com uma mãe adotiva para o seu cãozinho poderá servir leite para o pequenino, mas evite aquele leite de vaca integral, prefira o desnatado morno.

Alimente o pequeno com leite na mamadeira durante as três primeiras semanas de vida do filhote. Depois dessa fase passe para a papinha, prepare ração amolecida na água morna. Como um bebê humano o ideal é ir substituindo o leite aos poucos pela comida. A partir da quinta semana você poderá começar a dar ração para o seu novo amiguinho.

Dica – Quando for dar de mamar para o cãozinho deixe-o de barriga para baixo, pois senão o leite pode invadir os seus pulmões.

Vermifugação

É muito importante que você mantenha as vacinas do seu pequeno cãozinho em dia, a partir dos 45 dias de vida o cão precisa passar pela primeira vermifugação. As vacinas ajudam a melhorar a imunidade do seu amigo cão prevenindo contra graves doenças. 

Filhotes Nascidos Em Casa

Quando os cães recém nascidos chegam ao mundo na sua casa as coisas são bem mais fáceis. Para uma situação especial como essa você deverá ter a mão jornais velhos, balança, toalhas, seringas sem agulha e o que mais achar necessário. Lembre-se que a cadela é programada para ter os filhotes sozinha então conforme as contrações forem surgindo deixe ela com os filhotes que já nasceram.

Dar atenção e cuidar dos pequenos que já nasceram ajuda a relaxar o animal. Assim que a mamãe terminar o trabalho de parto dê-lhe uma tigela de leite, pode ser até uma mistura de leite condensado com água e com gema de ovo. Isso irá estimular a produção de leite da mamãe.

Fique atento, pois alguns filhotes nascem muito quietinhos e podem precisar ser esfregados com uma toalha rugosa ou então mergulhados rapidamente em bacias de água fria e quente alternadamente (somente até o pescoço). Faça isso até que o pequeno esteja respirando normalmente. 

Quando a Mãe Rejeita Os Filhotes

No reino animal é comum que as mães cuidem mais dos filhotes que tem mais chances de crescer saudáveis. Sendo assim se a cadela rejeita um filhote da ninhada pode ser por ele ter uma temperatura mais baixa que os demais ou por achar que tem algo errado com ele.

Numa situação dessas você pode tentar resolver aquecendo o pequenino com um cobertor ou mesmo com uma bolsa de água quente. Quando ele estiver mais quentinho coloque-o junto da mãe novamente. Observe se a mamãe aceita o filhote e em caso negativo você precisará cuidar desse pequeno como se fosse seu filhote.

Dica – A mamãe e os filhotes precisam de sossego nesse momento e por isso evite deixar muitas pessoas em volta dos dois. Procure deixá-los num local mais tranquilo da casa. Deixe-os descansar e saiba que as cadelas sã ótimas mães, porém, não deixe de observar.

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Dicas

Artigos Recentes

Artigos Relacionados


Artigos populares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *