Filhotes de Dálmata

Os dálmatas ficaram mais do que conhecidos graças a tela do cinema. A charmosa raça de cães que pertence a família Pointer, ScentHound tem origem na Iugoslávia, mas depois de tanta presença em filmes, se tornaram bem populares.

O tamanho médio que um cão da raça dálmata pode chegar, no caso do macho é entre 48 e 58 centímetros e o peso varia entre 18 a 27 quilos, o mesmo podemos observar das fêmeas.

Origem e História da Raça

A principal característica dos dálmatas, que os tornam inconfundíveis são as manchas. Acaba sendo assim, uma raça que se destaca em relação as outras. Justamente, as manchas desses animais têm as suas causas desconhecidas. Não se sabe porque os dálmatas possuem essas manchas. A desconfiança, alguns estudos, apontam para o fato de ser de uma origem muito antiga, mas não se sabe o lugar e nem a época que a raça surgiu. Porém, o nome desses cachorros possuem a origem definida, do nome de Dalmatia, que é uma região localizada no oeste da Iugoslávia, porém, o que não indica que os cães surgiram exatamente naquele lugar.

Falando dos ancestrais do dálmata, algumas das versões é que estaria a origem no Great Dane manchado ou ainda, nos pointers, mas que fique claro, se tratam de especulações, absolutamente nada comprovado. A origem dos dálmatas ainda é desconhecida. Muito também se fala das funções que foram dada para a raça ao longo do tempo. Segundo alguns estudos, eles teriam sido usados para várias funções, sempre “trabalharam” para o homem de uma maneira ou outra. Mas, não só isso, os dálmatas, foram usados como cachorros de briga, pastor e mais, caçador de ratos, cão de tração e até cão de circo.

Porém, o trabalho que marcou a sua “carreira” foi o de cão de carruagem na InglaterraVitoriana. A sua função era dividida em estética e prática. Ele serviu para proteger os cavalos do ataque de outros cães e ainda concedia a carruagem um toque de estilo. Os dálmatas iam caminhando ao lado ou na frente das carruagens, que eram as posições consideradas as mais elegantes para eles. Alguns históricos, através de algumas evidências, afirmam que a posição do dálmata na frente ou ao lado da carruagem se tratava um componente hereditário.

O Dálmata Perde Lugar Para os Carros

Os cachorros da raça dálmata perderam o seu lugar, a popularidade na sociedade, quando as carruagens foram trocadas por automóveis. Ele não perdeu a função de cão de carruagem, mas passou a fazer do grupo para carros de bombeiros, que eram puxados por cavalos. Por isso, os novos cães passaram a ser chamados de “cão dos bombeiros”.

O fato de ser um cão sempre pronto para colaborar, fez com que fosse visto com muita estimação e sua coloração diferente sempre o fez chamar a atenção entre os demais animais. Porém, o cão dálmata ficou muito conhecido no mundo todo, graças aos filmes infantis, passando a ser uma raça mais querida entre todas, começando nos Estados Unidos e se espalhando pelo mundo.

O Temperamento do Dálmata

O dálmata está acostumado a correr por muitos e muitos quilômetros, por isso, faz parte da sua característica uma incansável empolgação, agitação. Ao mesmo tempo que se trata de um cachorro divertido, ele também é impaciente, por conta de toda essa energia que possui. O dálmata precisa de muitos exercícios, boa movimentação e em casa, de um lugar seguro para se comportar. Caso não tenha espaço, começa a fazer travessuras. O que essa raça de cachorro gosta mesmo é de perambular e principalmente de correr.

O dálmata se adapta bem se estiver em um lugar com outros animais, mas os seus preferidos são os cavalos. Já pessoas estranhas sempre causa desconfiança em um dálmata e ele pode ser um cachorro muito teimoso. Se o dálmata for surdo é certo que apresentará problemas de comportamento e também costuma ser muito desobediente, neste caso. De forma geral, o dálmata não é aconselhável para famílias que têm crianças.

Como Se Deve Cuidar dos Dálmatas

O dálmata precisa de espaço pois necessita de fazer muitos exercícios, se movimentar sempre. Além disso, é um cão que exige atenção. Não basta fazer como se faz com outros cães, colocar na coleira e dar um, dois passeios para o dia. Não será suficiente. Aliás, fazer uma corrida com ele ao lado, isso sim, o dálmata vai adorar. Os exercícios para os dálmatas devem ter corridas e atividades intensas. Mas, na hora de descansar, muita mordomia, um lugar com uma cama macia e muita atenção para o cachorro. O dálmata não gosta de ficar sozinho por muito tempo.

Para cuidar do dálmata pense que precisará ficar muitas horas em casa, junto com a família, tendo a atenção das pessoas e ter liberdade e um bom quintal para brincar e fazer atividades físicas. O dálmata não dá muito trabalho no que diz respeito ao pelo, que exige os cuidados mínimos, mas a escovação deve ser feita com frequência para retirar os pelos velhos.

Cuidados Com a Saúde do Dálmata

Entre as doenças que podem atingir os dálmatas, as mais comuns e que devem preocupar mais são: surdez e urolitíase. Entre as que são comuns, mas causam menos problemas, podemos destacar epilepsia e alergias. Raramente, o dálmata sofre com a displasia de quadril.

É indicado que seja feito exame de audição, já que os casos de surdez não são raros. Falando da expectativa de vida, o dálmata pode viver entre 12 a 14 anos. É muito comum também que o dálmata sofra com cálculos urinários, pedras nos ruins, pois é comum que ele tenha um problema de incapacidade de metabolizar ácido úrico, por isso, gera o problema.

A Venda de Filhotes de Dálmatas

Na hora de comprar um filhote de dálmata a “família” dele faz com que o valor do animal aumente muito. Se considera a qualidade dos pais, dos avós e dos bisavós, além disso, é considerado se ele é um campeão nacional ou internacional, entre outros detalhes.

Não é aconselhável comprar essa raça de cachorro na internet e nem em qualquer petshop. Se quiser adquirir um, procure um lugar sério, para evitar problemas. Os cães que possuem características semelhantes as do dálmata são: dogue alemão, pointer, beagle e setter inglês.

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Fofo

Artigos Recentes

Artigos Relacionados


Artigos populares

Comentários

  • olá queria saber o preço dos cachorrinhos dalmatas bebés e em que sítio vendem.
    Caso seja necessário aqui escrevi o nosso contacto:234932807

    cristiana neves da silva 2 de agosto de 2009 11:43
  • Cristiana,

    Desculpe, mas não vendemos animais nem acessórios por aqui.

    Att

    Rafael Coutinho 1 de setembro de 2009 11:36

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *