Falando Sobre Répteis

Os répteis possuem esse nome devido a uma característica comum entre essa classe de animais que é o fato de rastejarem. O verdadeiro nome, ou nome científico da classe, é “Reptilia”.

A palavra réptil deriva-se do latim de “Reptare” que significa rastejar. Existem mais de 7000 (sete mil) espécies conhecidas, dentro da classe existem 4 (quatro) ordens distintas e uma dessas ordens é a ordem dos escamados dentro da ordem dos escamados encontramos os anfisbena e nesses por suas vez está “Cercolophia Absaberi”.

Respiração e a Circulação dos Répteis

A respiração que os caracteriza é a pulmonar. Eles possuem pulmão um pouco mais desenvolvido do que de criaturas como os anfíbios.

Os répteis possuem o coração constituído por 2 (dois) átrios e 2 (dois) ventrículos porém ainda ocorre a mistura de sangue oxigenado com sangue sem oxigênio.

Caracteristicas

Nos crocodilianos os ventrículos já se apresentam totalmente separados o que ainda não impede a mistura de sangue fora deles.

Digestão dos Répteis

São detentores de sistema digestório (ou digestivo) do tipo completo. O intestino grosso tem como destino final a cloaca. Eles se alimentam na sua maioria com uma dieta carnívora, mas há exceções, como os que são onívoros ou herbívoros.

Possuem boca com dentes fortes que servem tanto para a alimentação como para defesa.

A Epiderme dos Répteis

O corpo é coberto por uma pele impermeável, bastante seca e com grandes quantidades de queratina para evitar desidratação. Alguns répteis têm escamas recobrindo o corpo, como é o caso das serpentes, outros têm placa, como os jacarés ou ainda podem ter carapaças, no cão das tartarugas. Apesar dessa variedade cutânea eles ainda assim são pecilotérmicos, ou seja, a temperatura de seus corpos depende da temperatura ambiente.

Seus Sentidos

Os répteis já possuem órgãos que se relacionam com os seus sentidos a um ponto tal que têm a capacidade olfativa e do paladar.

Seus Orgãos

As cobras possuem outro órgão de sentido que é as “fossetas loreais” que os permitem perceber presença de outros seres vivos por meio da temperatura (calor). Existem répteis com capacidade auditiva com a habilidade de distinguir diversos tipos de sons.

Reprodução dos Répteis

Eles são capazes de realizar a fecundação do tipo interna e a grande maioria é ovípara. Esses fatores citados anteriormente foram decisivos pois assim puderam evoluir e atingir o meio terrestre.

Muitos dos répteis não precisam oferecer cuidados a seus ovos e filhotes que se criam sozinho com os próprios recursos. Existem ainda os vivíparos, sem necessidade de ovos.

Classificação da Classe

As 3 (três) ordens que compõe a classe são “Quelônios” formada por animais com duas carapaças e boca com bico córneo, são as tartarugas, jabutis e cágados. “Crocodilianos” corpo com placas e 4 (quatro) membros, como jacarés.

Ordens

“Escamados” ordem onde se encontra “Cercolophia Absaberi” caracterizados pelas escamas na pele, são os lagartos e as serpentes.

Se deseja aprender mais sobre os animais acesse “sites” relacionados à biologia como sobiologia.com.br ou “sites”de busca como wikipedia.com.

G.M.

2 comentários

  1. Achei bem esplicativo e com poucas firuras para mostrar as especies de repteis.

  2. queria mais animais alem de cobra jacare e lagarto

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>