Marta-Pescadora

A espécie Martes pennanti faz parte da família Mustelidae ao lado de outras espécies como texugos e doninhas. Pertencente a ordem dos animais carnívoros essa marta é nativa da América do Norte podendo ser encontrada numa extensão que vai do Canadá até os Estados Unidos. Trata-se de um animal de aspecto simpático que se destaca dentre as variedades de martas.

Conhecendo um Pouco Mais da Marta-Pescadora

Habitat

A Marta-Pescadora é um animal que necessita de um habitat com árvores e que atualmente pode ser encontrada em grande quantidade na Serra Nevada (Califórnia) e nas montanhas que compõem os Apalaches. São avistados espécimes de Marta-Pescadora também no Canadá e na Nova Inglaterra, Alasca.

Base Alimentar

Como citado no começo desse artigo a Marta-Pescadora é um animal que faz parte da ordem dos carnívoros tendo como principais componentes da sua alimentação mamíferos de pequeno porte e pássaros. Algo curioso sobre a espécie é que ela se alimenta também de porcos-espinhos tendo um mecanismo para se livrar os incômodos espinhos que recobrem esse animal.

Uma característica marcante desse animal é se alimentar do que tem a sua disposição e no caso de um período fraco de presas não tem problema em se alimentar de restos como carniça. Também pode se alimentar de frutas.

Características Físicas

O comprimento do corpo, incluindo a cabeça, da Marta-Pescadora é de 49 a 63 cm. Adiciona-se a essa comprimento entre 26 e 42 cm de cauda. Um indivíduo adulto dessa espécie pesa entre 2,6 e 5,5 kg. Os machos são maiores que as fêmeas tornando assim mais fácil a diferenciação de gêneros.

Comportamento

Essa variedade de martas tem um comportamento mais solitário preferindo se manter isolado de grupos. Também são animais essencialmente territorialistas fazendo de tudo para proteger os seus domínios. Um animal ativo durante o dia e a noite tendo como uma de suas características centrais a facilidade para escalar.

Espécie Ameaçada

Devido ao seu pelo extremamente brilhante a espécie foi perseguida e quase extinta nos Estados Unidos. No Canadá ainda são caçados com alguma frequência de maneira que existe um grande risco de que a Marta-Pescadora venha a desaparecer em algum momento.

A esperança é que em algumas localidades os indivíduos da espécie tem conseguido procriar. O período de reprodução da espécie vai do fim do inverno e começo da primavera. Contudo, a gravidez da marta acontece somente depois de dez meses. O período de gestação da espécie é de 11 meses. A fêmea pode dar a luz entre 1 e 6 filhotes. Leva em torno de um ano para que os filhotes se tornem adultos e a expectativa de vida é de 10 anos.

Predadores

Ainda falando sobre as ameaças a Marta-Pescadora não podemos deixar de citar os seus predadores que incluem raposas vermelhas, linces e falcões.

Por que Pescadora?

Essa é a grande pergunta quando se percebe que a Marta-Pescadora na verdade não se alimenta de peixes. Acredita-se que a nomenclatura foi dada pelos primeiros colonizadores que avistaram o animal e o confundiram com um piscívoro. Mesmo o nome não tendo relação com a forma como o animal vive permanece até hoje.

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Pequenos

Artigos Relacionados


Artigos populares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *