Raposa-Vermelha: Alvo Da Caça Esportiva

A raposa-vermelha (Vulpes vulpes) é um dos animais mais bonitos que existem, trata-se de um mamífero, onívoro e de porte médio. Os seus pelos são geralmente castanho-avermelhados, os filhotes dessa espécie possuem pelagem castanho escura e somente após 06 meses de vida é que começam a ter essa coloração igual a dos adultos.

Esse animal é o carnívoro com maior distribuição no mundo e cujos hábitos são noturnos e crepusculares (com exceção de lugares de pouca movimentação em que podem ser vistos durante o dia), se alimenta diariamente uma média de 500g de comida.

A sua caça geralmente é de animais pequenos como lebre e coelhos, porém, o seu cardápio pode se estender a aves, roedores, insetos, peixes, frutos e ovos. A raposa-vermelha pode chegar a possuir cerca de 20 esconderijos de comida e se lembrar de todos eles.

No caso de ser necessário esse animal pode se alimentar de restos de comida de humanos e também de animais mortos, isso demonstra a sua adaptabilidade. Nos Estados Unidos o apelido “carinhoso” da raposa-vermelha é “ladra de galinheiros”.

Reprodução Das Raposas-Vermelhas

O período de acasalamento das raposas-vermelhas acontece entre os meses de dezembro e fevereiro. Após uma gestação de um pouco menos de dois meses (tem de 52 a 53 dias) nascem entre 4 e 5 filhotes.

O macho e a fêmea dessa espécie cuidam dos filhotes e mesmo depois do desmame eles só se tornam independentes a partir do outono seguinte ao seu nascimento. Em média as raposas-vermelhas vivem cerca de 9 anos. Quando as raposas-vermelhas são criadas em cativeiro podem chegar a viver 15 anos.

Uma curiosidade a respeito da reprodução das raposas-vermelhas é que mesmo o período do cio durando aproximadamente 3 semanas a fêmea apenas se mostra receptiva ao macho por 3 dias. Aliás, vale destacar que nem todas as fêmeas do grupo se reproduzem. 

O parto desses animais acontece em cavernas ou mesmo na própria toca. Uma toca pode ser utilizada por diversas gerações de raposas-vermelhas. As crias nascem pesando entre 50 e 150 gramas. A sua pelagem é de um tom de marrom escuro ou preta e os seus olhos fechados, abrem apenas entre o 9º e o 14º dia.

A ponta das orelhas dos filhotes é dobrada e apenas ficarão eretas depois de 4 semanas. Durante esse tempo em que os filhotes se mostram indefesos os machos lhes fornecem alimentos e as fêmeas ficam na toca para protegê-los. Quando completam um mês os filhotes começam a sair das tocas e já começam a comer alimentos sólidos.

Depois de mais duas semanas eles já ficam com a pelagem na mesma cor dos adultos e passam a começar a caçar os próprios alimentos. O desmame acontece entre o 6º e o 8º mês. 

Características Das Raposas-Vermelhas

Esse animal costuma viver em grupos formados na sua maioria por um macho adulto e várias fêmeas. Vivem em tocas que são protegidas pela vegetação escavadas por elas mesas ou mesmo em tocas antigas de animais como texugos e coelhos, desde que estejam abandonadas.

Uma raposa dessas pode chegar a atingir entre 90 cm e 1,38 m de comprimento, da sua cabeça a extremidade da cauda. O peso dos machos dessa espécie fica entre 6 e 10 kg e as fêmeas pesam entre 4 e 8 kg. As suas orelhas são pontiagudas e pretas na parte de trás, o seu focinho é fino e a sua cauda espessa. Os olhos são pequenos e triangulares, as patas são ovais e possuem garras não retráteis.

A Caça Esportiva Da Raposa-Vermelha

A raposa-vermelha assim como as demais raposas não estão ameaçadas de extinção e por isso mesmo a sua caça esportiva está liberada em países da Europa e também nos Estados Unidos. A caça esportiva dessa espécie acontece entre os meses de outubro a fevereiro.

Na Inglaterra a caça dessas raposas é tida como uma tradição secular, porém, a prática foi proibida no ano de 2005. A caça em excesso desse animal bem como a depredação do seu habitat podem colocar a sua existência em risco em algum momento.

A caça da raposa-vermelha é apenas por esporte, pois a sua carne não é aproveitada para consumo. Sendo assim é interessante refletir sobre a crueldade de perseguir um belo animal como esse, atirar nele, matar e nem mesmo ter a justificativa de ser para a alimentação.

Algumas regiões do mundo já tem a proibição a caça tida como “esportiva” dessa raposa. Vale lembrar que muitas espécies que estão em risco de extinção hoje em dia começaram a sumir devido a caça esportiva e de um dia para o outro começamos a perceber que os espécimes haviam sumido para sempre.

Habitat Da Raposa-Vermelha

O habitat dessa espécie se estende da América do Norte a Eurásia e também em esparsas populações no norte da África. Podem ser encontradas também na Austrália onde foram introduzidas com o objetivo de controlar a população de outro animal endêmico, o coelho.

Essa espécie de raposa não é territorialista e basicamente vivem em lugares em que encontram comida em abundância. As raposas-vermelhas são típicas de regiões de clima temperado e não conseguem se adaptar a zonas de climas equatoriais, tropicais ou polares. 

Subespécies

Acredita-se que existam cerca de 48 subespécies de raposas-vermelhas, mas essa informação ainda não foi comprovada cientificamente. Confira abaixo algumas das mais conhecidas subespécies desse animal.

As Principais Subespécies De Raposa

  • Vulpes vulpes vulpes
  • Vulpes vulpes crucigera
  • Vulpes vulpes japonica
  • Vulpes vulpes peculiosa kishida
  • Vulpes vulpes fulfa
  • Vulpes vulpes rubricosa
  • Vulpes vulpes regalis
  • Vulpes vulpes macroura
  • Vulpes vulpes necator
  • Vulpes vulpes alascensis
  • Vulpes vulpes harrimani
  • Vulpes vulpes kenaiensis
  • Vulpes vulpes kurdistanica
  • Vulpes vulpes abietorum
  • Vulpes vulpes cascadensis
  • Vulpes vulpes arabica
  • Vulpes vulpes karagan
  • Vulpes vulpes silacea

Ficha Técnica Da Raposa-Vermelha

  • Reino: Animalia
  • Filo: Chordata
  • Subfilo: Vertebrata
  • Classe: Mammalia
  • Ordem: Carnívora
  • Família: Canidae
  • Género: Vulpes
  • Espécie: V. vulpes

Ao longo desse artigo você pode conhecer um pouco melhor a raposa-vermelha, uma espécie bonita e que está razoavelmente bem distribuída pelo planeta. Agora você já sabe como essa espécie sofre com a caça esportiva e também como se alimenta e se reproduz. Um animal bem interessante e com uma beleza que realmente nos chama a atenção. 

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Médios

Artigos Relacionados


Artigos populares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *