As Borboletas e o Ciclo da Vida

As traformações pelas quais passa a borboleta no seu ciclo de vida podem ser consideradas dramáticas, desde o minusulo ovo até sua forma adulta a borboleta migra passando por diversos estágios, ovo, larva, pupa até a linda borvoleta tão admirada por todos. Neste artigo vamos conhecer um pouco mais sobre a vida e o ciclo de vida desse animal, até chegar a sua forma ultima, de borboleta, através da metamorfose.

Borboletas

As Borboletas

As borboletas são classificados como insetos pertencentes a ordem Lepidóptera, da família Papilionoidea e Hesperioidea. O corpo das borboletas, como o dos demais insetos, tem seu corpo dividido em tres partes, a cabeça, o tórax e o abdomen, além disso possuem dois pares de asas que são obertas de escamas, que dão o colorido tão admirado nessa espécie animal.
Possuem a boca em formato de um minusculo canudinho, apropriado para sucção do néctar das flores, unico alimento das borboletas, que por isso são consideradas excelentes polinizadoras. Possuem ainda duas antenas retas que terminam om pequenas bolas, 6 patas, um par de olhos, abdomen alongado e fino onde enontram-se os órgãos reprodutivos e vegetativos, são animais de movimentação diurna, recolhendo-se quando começa a escurecer, dobrando suas asas, como se as fechasse em cima do corpo.
As borboletas são infimamente leves, seu peso máximo conhecido chega a 3 gramas, que mesmo com suas largas asas, permite que ela pouse nas flores, sugando o adocicado néctar. Existem muitas espécies de borboletas, e elas vivem em quase todas as partes do planeta, exceto nas regiões glaciais. A beleza das diversas espécies de boeboletas, faz com que elas sejam alvos de colecionadores vorazes e apaixonados, que se embrenham nas regiões mais insólitas em busca de raros exemplares de borboletas, quer pela sua beleza quer por serem dificeis de se encontrar.

Larvas

Ciclo de Vida da Borboleta

A transformação da lagarta feia e bizarra em uma borboleta elegante e exuberante é um dos muitos milagres realizados pela natureza. O ciclo de vida da borboleta passa por uma completa metamorfose que se realiza em quatro etapas bem distintas, como ovo, como larva, crisálida e adulta.
Depois do acasalamento a fêmea procura plantas que possuam as condições necessárias para alimentar as larvas, e deposita seus ovos em cima das folhas. Quando eclodem os ovos as larvas ou lagartas saem e comem a casca do próprio ovo, logo preparam uma espécie de ninho embaixo de uma folha e começam a comer as partes verdes da planta onde se encontram, não parando de comer pois necessitam armazenar energias para o período de hibernação. Na hora do descanso voltam para folha onde fizeram o ninho.
Quando as larvas param de comer estão preparadas para sua nova fase, e constrói um casulo ou crisálida em torno de si, ainda pendurada embaixo da folha, sendo essa a fase chamada de pupa. O casulo é construído com uma substancia salivar que vai tomando a forma de teia em volta do corpo, e ao entrar em contato com o ar se torna resistente.
Dentro desse casulo se completa a metamorfose e quando a borboleta está pronta eclode o casulo, espera algum tempo até que suas asas sequem e está pronta para voar, polinizar as flores, se acasalar, colocar ovos e dar inicio novamente ao perfeito ciclo da vida.

Ovos

5 comentários

  1. adorei pude pesquisar com minha filha de 7 anos e ela amouuuuuuuuu!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  2. gosto muito de coelhos,borboletas,gatas,cachorinhas filhotes.
    e o mais importante adoro a deus.muito.

  3. Muito legal! era a informaçao que eu procurava

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>