Dicas Para Lavar o Seu Gato

Um dos bichos de estimação mais comum nos dias de hoje são os gatos. Cada vez mais as pessoas optam por ter um felino ao seu lado, seja porque gosta muito de animais, ou seja, porque as pessoas se sentem, muitas vezes, sozinhas e carentes, e um animal de estimação pode ajudar muito as pessoas a enfrentarem alguns momentos mais complicados. Pesquisas já mostraram que pessoas que possuem bichos de estimação são mais felizes do que pessoas que não gostam de animais. Da mesma forma que as pessoas que criam qualquer tipo de animal, especialmente de gatos, acabam criando mais responsabilidade.

O gato é um animal realmente muito interessante de se ter em casa, especialmente as pessoas que moram em apartamentos ou casas menores, onde não se tem um pátio para criar um cachorro, já que estes animais acabam precisando de mais espaço geralmente, tendo que correr para gastar energia e também adoram estar sempre brincando.

Os gatos são animais bem mais calmos de se ter em casa. Além de ser muito recomendado para se ter em residências pequenas ou apartamentos, os gatos também podem ser excelentes opções de animais de estimação para pessoas idosas e que tenham pouca mobilidade, já que não é necessário levar o gato para passear, como é preciso fazer com os cachorros.

Os gatos também são animais mais independentes do que os cachorros, portanto eles realizam muitas tarefas por conta própria. Existem algumas raças de gatos que necessitam de cuidados diferenciados e que não gostam de ficar muito tempo presos em um lugar, desta forma eles precisam ficar mais livres e soltos para dar uma volta quando quiserem. Outras raças ficam mais tempo em casa e não gostam muito de sair. Estes gatos ficam mais tempo dormindo ou brincando dentro da própria residência do dono.

Mesmo sendo tão independentes, os gatos precisam tomar banho. Muitas pessoas acreditam que gatos não precisam tomar banho, ou que eles mesmo são responsáveis pela própria higiene. Realmente, os gatos são famosos por se lamberem e assim tomarem o famosos “banho de gato”, para remover as sujeiras e principalmente quando estão mais se sentindo fedorentos.

Este banho que o próprio gato toma não serve para a convivência do animal no dia a dia. Principalmente se os animais moram dentro de apartamentos e estão o tempo todo próximos aos donos, os gatos podem cheirar mal, o que obriga as pessoas as darem banho. Além disso, quando o gato não toma banho e anda pela rua, ele pode trazer muitas doenças para dentro da casa do dono, o que pode tornar a convivência do animal bastante prejudicada.

Dando Banho Em Gatos

Dar banho em um gato pode ser uma tarefa bastante complicada. Grande parte das raças de gatos simplesmente não gosta de tomar banho e principalmente se a pessoa estiver dando banho em um gato adulto, que não está acostumado com este tipo de procedimento, pode ser muito complicado a hora do banho. O ideal mesmo é que o dono que pegue gatos filhotes já acostumem o felino desde cedo a tomar banho.

Para isso, é necessário que o banho aconteça de tempos em tempos de forma regular. É recomendado pelos veterinários que aconteça duas vezes por mês, de duas em duas semanas. Os gatos realmente que são criados desde cedo tomando banho serão bem mais fáceis quando adultos. Sempre é recomendado que os donos que quiserem dar banho nos seus animais usem luvas que cubram as mãos e também boa parte dos braços, porque a possibilidade de acontecer algum arranhão ou alguma mordida do felino que está tomando banho é grande.

Escolhendo Os Produtos Para Dar Banho No Gato

Para os donos dos gatinhos que vão encarar a tarefa de dar banho no seu animal de estimação, é importante que sejam escolhidos apropriados para a higiene do felino. Não é recomendado, em hipótese nenhuma, a utilização de produtos que são feitos para  a higiene humana nos gatos. Isso poderá causar alergia na pele do felino, ele poderá ficar com muitas coceiras e também poderá dificultar os próximos banhos.

Hoje em dia, existem Petshops em praticamente todas as cidades do Brasil e nelas são vendidos tanto shampoos, quanto sabonetes e outros produtos específicos para dar banho em gatos. Mesmo assim, o felino pode apresentar algum tipo de alergia. Por isso, é fundamental que se preste atenção na reação do animal depois do primeiro banho.

Dicas Durante o Banho Do Gato

Na hora do banho, os donos precisam também tomar muitos cuidados, principalmente com as orelhas, os olhos e o focinho dos animais. São áreas extremamente sensíveis para os gatos e se algumas coisa incomodar o animal nestas regiões, dificilmente ele vai conseguir ficar parado durante o resto do banho. É sempre importante proteger estas áreas durante o banho. É recomendado que se utilize uma mangueirinha ou duchinha móvel para dar o banho, já que é mais fácil ter controle de onde está pegando água no gato.

Se o gato estiver muito arisco durante o banho, é recomendado que se peça a ajuda de outra pessoa para segurar as patas do felino. Para isso, antes de mais nada, os gatos precisam de uma pessoa par assegurar as patas e só depois disso comece o banho.

É fundamental também, que os pelos do gato fiquem bem secos depois do banho. Se o gato estiver pelos rasos, uma toalha pode resolver. Agora, se o gato tiver muitos pelos, é ideal que se utilize um secador para que os pelos fiquem bem secos e ele não corra o risco de pegar alguma doença ou pegar algum fungo. Cuidado com a temperatura do vento do secador direto no pelo do gato. É recomendado que ele esteja em uma temperatura média, e também não é necessário deixar o secador muito próximo do animal, ele pode ficar a pelo menos 30 centímetros do gato.

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Felinos

Artigos Relacionados


Artigos populares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *