Será Que Estou Preparado Para Ter Um Cachorro?

Cães são muito bem-vindos nas casas de quase todas as pessoas, pois são lindos, fofos, transmitem amor, carinho e não pedem nada em troca. Em razão de nossa cultura de amar e aceitar os animais, muitas vezes nos precipitamos em ter um cachorro em casa, vez que nem todos estão preparados para isso, e, a visão de um filhotinho na vitrine de uma loja acaba despertando  nas pessoas uma vontade imensa de levá-lo para sua casa.

Mas o que poucos sabem, que assim como um bebê, os cães pequenos também dão muito trabalho, pois choram de noite, fazem coco e xixi por todos os cantos da casa e não basta apenas dar comida e água, o carinho é essencial. Muitos donos de filhotes chegam ao ponto de desespero quando veem sua casa toda bagunçada, a mobília roída e tudo acaba ficando fora de controle.

Juntamente com a alegria de um filhote vêm ainda muitas outras coisas boas, e estressantes também, e especialmente as responsabilidades. Por isso, antes de tomar uma decisão por impulso e levar para casa seu bebê, certifique-se através das dicas abaixo, se está realmente pronto para todas as implicações de ter um filhote.

Você Está Pronto Para Ter Um Cãozinho Em Casa?

A pergunta parece até ser tonta e de fácil resposta, mas na prática a história é bem diferente. Para que todos tenham uma ideia real do quanto as pessoas não estão preparadas para ter um cachorro em casa, há uma lista de desculpas que frequentemente elas dão para não ficarem mais com o bichinho, soltando-o na rua ou entregando para a adoção:

  • O filhote não foi adquirido para mim, foi comprado de presente a meu filho, mas o mesmo não cuida do bichinho.
  • Na verdade eu nunca quis realmente ter cachorro no apartamento e ou em casa.

Bem sabemos que estas desculpas não convencem a ninguém, já que é uma tremenda ilusão esperar que uma criança ou até um adolescente, vá ter responsabilidade suficiente para tomar conta sozinha de um animalzinho. Sendo que esta responsabilidade não está apenas ligada a dar água ou comida e ainda compreende a higiene local e a do filhote.

Claro que jovens e crianças adoram animais e vem nos mesmos uma agradável e divertida companhia, mas infelizmente nem tudo se resume a brincadeiras. Como já dissemos, os cães necessitam de atenção, alimentação adequada em horário e quantidade certa, escovação para retirada dos pelos soltos, educação, banho, exercícios frequentes, e muitas outras necessidades diárias.

O que muitos esquecem é que cachorros não podem ficar sozinhos sem que acharmos conveniente, não dá para sair e deixar o animal sem água e comida e sem a higiene correta do local, porque apareceu um convite para uma viagem legal ou uma festa na cidade vizinha. Os donos devem ter consciência de que quando assumem um animal, seja por vontade deles ou dos filhos, essa adoção é de comum acordo, por isso, as responsabilidades vão surgir e precisam ser levadas a sério, já que envolvem outra vida.

Se a família não está pronta para ter um cachorro em casa, o melhor a ser feito é dizer não aos filhos e, somente mudar de opinião, quando todas da casa estiverem prontos para dividir todas as responsabilidades que virão com o filhote. O errado é pegar um bichinho para criar e depois deixá-lo sozinho, sem alimentação, no meio da sujeira e o pior, sem o menor amor e carinho.

Cães Soltam Pelo

Se você tiver problemas com pelo e com cheiro, desista de ter um cão, pois mesmo que eles têm pelagem curta, em determinadas épocas do ano os pelos acabam se soltando, por isso, podem ser facilmente encontrados em todos os cômodos da casa.  Algumas pessoas podem ter alergia a pelos, então, se quiser ter cachorros em casa terá de conviver com isso. Mas é preciso saber do problema antes de levar o filhotinho para casa.

Algumas raças, especialmente aquelas que possuem o subpêlo, ou seja, aquele pelo mais curto, fofinho e denso, preso junto ao corpo, ficando localizado por baixo do mais comprido, são as que mais soltam pelos entre as estações da primavera e verão, por isso, precisam ser escovados com maior frequência.

Então, não há desculpara para se colocar o cachorro para adoção, pois as pessoas soltam cabelo, algumas até soltam pelos e nem por isso, devolvemos maridos e filhos com essa absurda justificativa. É bom pensar nisso antes de ir ao pet shop e se apaixonar pelo cãozinho mais peludinho que está para doação.

Seria muito bom se as pessoas, antes de adotarem ou comprarem um cãozinho, se lembrassem do fato que os mesmos têm sentimentos, assim como nós e que depositam todo seu amor e confiança em seus donos. Com isso, esperam ser amados, acarinhados e cuidados, pois fazem isso muito bem com seus donos.

Quando os filhotes saem do ambiente frio e impessoal do pet shop, para terem um lar, nunca podem imaginar que um dia serão “devolvidos”, simplesmente porque choram de noite, fazem xixi pela casa, soltam pelos,mordem as coisas, e todo amor e alegria que proporcionaram aos donos não foi levado em consideração.

O Filhotinho Chora Quando Está Sozinho

Claro que o cachorro chora quando está sozinho, ele se habituou a ter alguém de seu lado. Já pensou em ficar sozinho por várias horas, sem ter com quem falar ou apenas olhar para alguém. O cãozinho sente a mesma coisa, não gosta de ficar solitário. Cães são bichinhos sociáveis, criados especialmente para viver em grupos e ainda com finalidade de proteger seus donos durante a noite.

Se este tem sido um problema com seu animalzinho, tente dedicar um tempinho a ele, para brincar, correr ou apenas deixá-lo próximo a você. Além disso, caso seja filhote, o interessante é deixar um bichinho de pelúcia próximo, assim ele sentirá que tem alguém perto e ficará mais seguro e confiante.

Com todas as dicas que foram dadas, o importante é saber que um animalzinho não é um brinquedo, é um ser com vida, por isso, merece respeito, amor e dedicação. Se não estiver preparado para cuidar dele aguarde até que esteja emocionalmente amadurecido para amá-lo e respeitá-lo e somente depois leve-o para casa.


Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Caninos

Artigos Recentes

Artigos Relacionados


Artigos populares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *