Raças De Cães Que Não Exalam Cheiro

Mal cheiro em cachorros é um dos problemas mais comuns de quem cria tal animal em casa. O responsável por esse cheio ruim são algumas glândulas que produzem uma gordura, localizadas na região anal do animal. Como é um costume canino fazer a própria limpeza das partes íntimas, ele acaba espalhando a gordura por todo o seu corpo, e fica com mal cheiro.

Banhos Constantes Podem Ajudar a Resolver o Problema

Lavar a casa e dar banho no animal ao menos uma vez por semana podem sim ser medidas eficientes. Todo cão sem o asseio adequado vai ter mal cheiro e não apenas pelas glândulas, pela própria pelugem suja mesmo. Os poodles, por exemplo, com transpiração e a sujeira que fica entre seus pelos, vai sempre ter um cheiro forte e as vezes odor quando o banho demora mais que 10 dias. Os vira latas costumam também ter cheiro forte, mas depende um pouco da mistura das raças.

Mas há animais que exalam um cheiro mais fraco ou não tem cheiro, ótimos para quem se incomoda com o aroma desagradável exalado pelos cães em casa.

Boston Terrier

Por ser um animal de grande porte, espera-se do Boston Terrier um aroma forte e desagradável quando este cão está sujo, mas não haverá. Não há dobras na pele do animal, e por isso ele não junta sujeira e não tem mau cheiro. Também não dá trabalho banho e não exige tosa porque seu pelo é ralinho.

Schnauzer Anão

Quem diria que um animal com tanto pelo como este cão não tem mal cheiro? Mesmo sendo um cachorro de grande porte, por natureza ele não exala mal cheiro. Pode acontecer de sujeira se unir a sua pelugem e por isso um aroma forte surgir, mas com tosa constante e escovação não há problemas.

O bacana deste animal é que ele não costuma se lamber muito também por natureza, por isso o mal cheiro não costuma se espalhar em seu corpo todo. No geral, cheira bem e mesmo sujo ainda dá para suportar um pouco.

Shih Tzu

Quando limpo e tosado, o Shih Tzu não tem mal cheiro. Mas por ser um cachorro de pelagem grande, costuma deixar sujeira entre os pelos e até comida ao redor da boca, por isso pode feder um pouco quando não estiver limpo. Quando bem tratado não deixa mal cheiro nos locais, mas muco no nariz e lacrimo nos olhos pode ser um problema se não forem limpos para deixar a face do animal fedentina.

Whippet

Este belo cachorro de grande porte não tem problemas com o mau cheiro por diversos motivos: não costuma lamber muito sua região anal, tem pelugem curtíssima e fucinho longo e fino, não acumulando sujeira ao redor da boca. No geral nem dá para sentir que ele não tomou banho, mas uma higiene semanal é recomendada até mesmo pela saúde.

Também não é uma raça de soltar pelos, sendo por isso duas vezes mais recomendadas para quem tem o costume de deixar o seu cão de estimação entrar na casa e até deitar no sofá (não são poucos donos que fazem isso).

Dálmata

Você já deve ter visto Dálmatas com mau cheiro por ai. Isso porque ele acumulou sujeira de outros meios, como areia e umidade depois de uma boa brincadeira com chuva e água. São animais enérgicos, por isso costumam ter bastante energia. Mas no geral, seu aroma é agradável e não costumam cheirar mal e aguentar até 15 dias sem banho se tiverem dentro de casa. Não soltam pelo com facilidade, por isso são ótimos para ambientes domésticos.

Husky Siberiano

Belos animais e amados em todo o mundo, os cachorros da raça Husky Siberiano costumam não soltar muitos pelos, por isso são ótimos para ter em casa. E por incrível que pareça, também não cheiram mal por natureza. Também não costumam se lamber muito, por isso não espalham a gordura de suas glândulas anais para o corpo. O pelo é fino, não juntando sujeira com facilidade, mas precisa de um banho semanal como todos os outros.

Chinese Crested

Os pelos finos são costumeiramente tosados para dar uma aparência mais leve a este animal, bem admirado no mundo pela sua beleza diferenciada. O melhor é que mesmo com pelugem longa, não solta pelos e tem um aroma até agradável no dia a dia. Mas costuma juntar sujeira ao redor da boca, por isso não é bacana deixar o animal solto sem ao menos uma limpeza no focinho dependendo do alimento dado para sua dieta.

Maltês

Raça de pequeno porte, a maltês também não costuma exalar mal cheiro mesmo quando está relativamente sujo. O problema é acumular sujeira ao redor da boca, na orelha e água que não seca direito quando ele levar chuva ou ainda banho mal dado, sem secagem. Costuma ser uma raça que adora água e não luta para receber uma boa higiene semanal.

As Raças Que Exalam Mal Cheiro 

Existem raças que você deve fugir um pouco porque, mesmo limpas, ainda deixam aquele cheirinho no seu sofá e na casa toda quando a circulação de ar é um problema. As mais conhecidas são:

  • Poodle
  • Samoieda
  • Labrador
  • Pitbull
  • Pastor Alemão

Mas alguns cachorros ainda cheiram mais mal que outros. Um bom exemplo são os cachorros idosos, que já não possuem um organismo tão acelerado. A pele velha, o pelo velho misturado com o novo e sua má digestão pode deixar o animal cheirando mal até mesmo quando late, fruto de uma digestão lenta.

Uma má saúde canina também pode causar mau cheiro em seu cachorro. Um bom exemplo são dentes com tártaro, que costumam deixar o hálito mal cheiroso de cães e gatos. Já problemas digestivos também deixam o cão com ‘bafinho’ e dentes com cárie também, bem como feridas na pele.

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Caninos

Artigos Relacionados


Artigos populares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *