Urubu de Cabeça Preta – Características

Vamos falar sobre o urubu de cabeça preta. Os urubus são responsáveis por muito do processo de reciclagem de nutrientes no mundo natural. O urubu de cabeça preta recebe o nome científico de Coragyps atratus. Eles são considerados por muitos como bagunceiros, comedores de carniça, mas cabe lembrar que as garras deles não são preparadas para a caça, eles comem as carcaças do reino animal, a qual poderiam transmitir muitas doenças, e são esses urubus que fazem a reciclagem dos nutrientes.  Esses animais não ficam doentes por causa que no estômago possuem um suco gástrico que matam os patógenos presentes nas carcaças.

Esse urubus tem um bico bem forte, serve muito para dilacerar as carcaças. Podem comer animais recém-nascidos também, pois se encontram indefesos. Retiram o material orgânico em decomposição do solo e impedem a propagação de muitas doenças. Os hábitos alimentares os definem como necrófagos. O tamanho varia de 56 – 66cm de comprimento e as asas podem atingir cerca de 140cm de envergadura! Muito grande. O macho pode pesar cerca de 1,2kg e a fêmea um pouco mais, cerca de 2 à 2,5kg. Eles colocam ovos e são geralmente 1 ou 2 somente, que levam em torno de 32 à 42 dias para eclodirem. Os urubus apesar de não possuírem garras nem bicos resistentes, são característicos de rapina, pois possuem uma visão muito aguçada e audição também, além de vôos altos, aproveitando as correntes termais.


Dentre todos os tipos de urubus, esse é o que possui uma menor envergadura, apesar de ser relativamente grande. Cabe lembrar que tamanho não é documento e esse urubu é o característico de ter um comportamento bem agressivo, sendo essencial para sua alimentação de carcaças. Como diferenciá-los de outros urubus? Simples! O urubu de cabeça preta tem as asas um pouco mais curtas e com a ponta delas arredondadas, onde a ponta também se inclina para frente da cabeça. No final da asa temos uma coloração um pouco mais característica também, é mais clara, tendo um formato oval.

Já as características da sua reprodução são as seguintes: Eles botam os ovos em árvores ocas ou em torno de pedras, sacadas de prédios e lugares escondidos, bem seguros. Os ovos têm a coloração manchada em bege e azul com alguns pontos em marrom. Após a eclosão dos ovos, os filhotes nascem e já são bem diferenciáveis, com as penas amarelas e um bico reto preto, às vezes azul-escuro. Leva em média de 2 à 3 semanas para o amadurecimento da coloração mudando de cor para branco-rosada, com uma faixa branca pequena que fica em torno da cabeça e com as penas azuis escuras. Após passado 1 mês, temos o tamanho deles semelhante à de um galo ou galinha, e a coloração já muda também, fica acastanhada com as penas mais escurecidas, pretas. Somente passados cerca de 2 à 3 meses temos a coloração preta ou azul-escura bem forte, juntamente com os bicos também pretos. A pele do pescoço é geralmente lisa e sempre enegrecida também mas sem as proeminências e as particularidades das aves adultas, como as rugas.


Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Aves

Artigos Recentes

Artigos Relacionados


Artigos populares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *