Arara-Vermelha-Grande

A Arara-Vermelha-Grande é também chamada de arara-verde ou ainda de arara-azul. Apesar de não estar ameaçada de extinção, há muitos locais que antes abrigavam essas aves que elas não aparecem mais, como regiões da Bahia e Rio de Janeiro.

São aves de médio porte, medindo aproximadamente 90 centímetros de altura. Apresentam coloração das penas na cor vermelha e nas costas na cor verde. Se alimentam de frutos e são encontrados em bandos ou, pelo menos, aos pares.

A Arara Vermelha é um dos animais que mais corre risco de ser extinto, principalmente a ave de tamanho grande, com maior valor no mercado negro.

Arara Vermelha Grande

Arara Vermelha Grande

Esta espécie é nativa das florestas Sul-americanas, podendo ser encontradas no Paraguai, Argentina, e ainda do Panamá até o estado de Santa Catarina.

A alimentação dessas aves é feita com base em frutas, coquinhos, e sementes, todas elas facilmente encontradas em seu habitat.

A Arara vermelha grande pode chegar a medir 90 centímetros e pesar até 1,5 quilos, uma ave bastante grande para os padrões normais.

Durante a postura, esta ave pode colocar vários ovos, de tamanho pequeno, que devem ficar chocando por até 29 dias.

O ninho dessa espécie é bastante protegido de predadores, pois é feito em partes ocas das árvores, além de pequenas aberturas em rochas e montanhas.

O macho da espécie é o responsável pelo sustento da fêmea durante todo período, mesmo depois de já nascido o filhote.

A característica mais marcante dessa espécie é a fidelidade, o casal depois de formado permanece unido para sempre.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>