Águia Chilena: Uma Ave Ameaçada

Apresentação Da Águia Chilena

A Geranoaetus melanoleucus ou Buteo melanoleucus é mais conhecida como Águia Chilena e pode ser encontrada em regiões montanhosas e campestres. É possível encontrar espécimes dessa ave da Cordilheira dos Andes da Terra do Fogo até a Colômbia e Venezuela, inclusive expandindo-se para o Leste atingindo o Norte da Argentina e o Sul do Brasil.

No Brasil a Águia Chilena é tida como uma ave rara e está inclusa na lista de animais ameaçados pelo IBAMA. Uma espécie que pode ser encontrada isoladamente em outras regiões do Brasil como centro-oeste, nordeste e sudeste. Também pode ser chamada de gavião-de-serra ou gavião-pé-de-serra.

Quem deseja avistar essa águia de perto pode ir as montanhas da Chapada Diamantina – Bahia onde está localizado o Parque Nacional da Chapada Diamantina. Também é possível encontrar essa ave na Serra Branca, município de Floresta do Navio, Pernambuco, onde se dá a sua reprodução.

Em reprodução a Águia Chilena pode ser encontrada na Serra do Pará na Vila do Pará e no município de Santa Cruz do Capibaribe – PE. Podemos dizer que essa é uma espécie que pode ser encontrada de forma abundante no estado de Minas Gerais há algumas décadas.

Nesse estado a Águia Chilena busca por paredões rochosos para nidificar. Pode ser vista ainda sobrevoando os céus da Serra da Canastra e nas serras que são próximas a cidades como São João Del Rei e Lavras.

As Características Da Águia Chilena

Essa ave pode chegar a atingir aproximadamente 60 cm de comprimento e possui cerca de 2 metros de envergadura. As suas asas são compridas e largas, a cauda é curta. Em geral essa ave é identificada pelo no seu voo pela sua cauda que é em forma de cunha curta que projeta-se mal em suas asas muito longas e curtas.

Costuma planar muito próximo a áreas montanhosas onde fica muito tempo planando em busca de comida. Por isso é também conhecida como gavião-pé-de-serra.

A Alimentação Da Águia Chilena

A Águia Chilena é basicamente uma espécie campestre e tem como hábito caçar em áreas abertas principalmente em topos de serra, pastagens adjacentes, campos e áreas de cerrado. A sua agilidade garante a essa ave a capacidade de capturar presas velozes em voo como os andorinhões e pombos selvagens.

Além disso, essa ave ainda tem a capacidade de abater no solo inhambus, perdizes e codornas. A alimentação dessa águia ainda pode conter mamíferos de pequeno e médio porte como furões, roedores e tatuas, podem se alimentar também de répteis e anfíbios.

Considerada uma ave oportunista a Águia Chilena já foi observada destruindo um ninho de joão-de-barro para se alimentar dos seus filhotes. Ocasionalmente essa águia pode ser vista capturando saguis em regiões periféricas entre a mata e o campo ou mesmo no cerrado.

A Águia Chilena é uma ave que se constitui num predador formidável conseguindo abater uma grande gama de presas, porém, em alguns casos pode acontecer de se alimentar de carniça.

A Reprodução

Para se reproduzir a Águia Chilena constrói um ninho em escarpas rochosas utilizando galhos secos. Os filhotes dessa ave precisam ser alimentados durante os 4 ou 5 meses iniciais de vida. Uma curiosidade é que essas aves dão prioridade ao uso de um mesmo ninho durante toda a sua vida.

No período da reprodução essas aves realizam lindos voos nupciais. Botam de 1 a 3 ovos por vez com um período de 30 dias de incubação. Durante o período em que os filhotes de Águia Chilena ainda estão sob os cuidados dos pais costumam voar em regiões abertas próximas ao ninho. Conforme o tempo vai passando e eles vão ficando mais experientes vão voando para lugares mais distantes.

Durante esse período em que são jovens essas aves podem acabar pousando em áreas abertas onde são capturadas facilmente por pessoas.

A Distribuição Geográfica Da Espécie

Essa espécie de ave pode ser encontrada da Cordilheira dos Andes até o sul da Argentina. Em território brasileiro pode ser encontrado nos estados do Paraná, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Mato Grosso, São Paulo, Minas Gerais, Goiás, Bahia, oeste do Espirito Santo, Maranhão, Ceará, Piauí chegando até o Rio Grande do Norte.

Há ocorrências dessa ave em estados como o Mato Grosso do Sul, Pernambuco e Sergipe também.

As Subespécies

São conhecidas duas subespécies de Águia Chilena, a Geranoaetos melanoleucus australis que está distribuída para Venezuela e pelos países que compõem a Cordilheira dos Andes até a Terra do Fogo. A outra subespécie é a Geranoaetos melanoleucus melanoleucus que se distribui pelo Brasil até a Bolívia, passando pelo Paraguai, norte da Argentina e também pelo Uruguai.

Informações Gerais Sobre a Águia Chilena

Geralmente essa ave pode ser observada sobrevoando regiões que são montanhosas ou mesmo campestres. Essa ave pode planar por muito tempo em busca de comida.

Águia Chilena Com Os Dias Contados

O nome da ave pode dar a entender que ela é originária do Chile, porém, na verdade essa espécie tem a sua origem no sertão nordestino em que é conhecida como um gavião da serra. Pelo fato de voar muito alto essa ave acabou se tornando o alvo de pessoas que atiram por esporte.

Podemos dizer que o canto sofrido da Águia Chilena é um lamento, um tipo de desabafo pelo fato de ter perdido a sua liberdade. Essa bela e imponente ave raramente é vista onde deveria estar, ou seja, voando pelo céus, pois está enfeitando gaiolas de criadores clandestinos.

A Águia Chilena passou a ser abatida com uma frequência impressionante por dois tipos de pessoas aquelas que declaram que já consomem, frango, galinha e cordeiro e por isso matam a águia para comer. O outro tipo de pessoas são aquelas que caçam por esporte, pois como já destacamos essa ave voa muito alto.

Na velocidade com que os espécimes dessa ave tem sido abatidos logo não restaram muitos exemplares para contar a história. Por isso dissemos que a águia chilena é a uma que está com os seus dias contados. Mais uma espécie que corre o risco de desaparecer pelo fato de o ser humano não saber conviver em harmonia com a natureza.

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Aves

Artigos Relacionados


Artigos populares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *