A Ave “Uru”

O uru é uma ave brasileira, da família das aves Odontophorida e do gênero Odontophorus.
O nome ‘’uru’’ é uma palavra que vem do indígena guarani, e significa algo como ‘’ave pequena’’.

Características da Espécie:

Essa ave é tem tamanho relativamente grande, sendo que da ponta do rabo até a cabeça pode chegar a medir em torno de 24/25 centímetros. Ele é da ordem dos galiformes, ou seja, é uma subdivisão das aves representada por aves como galinhas, perus e faisões, cujas características são de bicos curtos, pernas fortes – porque elas são próprias para ciscar o chão e correr – as asas também são mais curtas que as outras espécies.

São geralmente fitófagas, ou seja, se alimentam de vegetais e plantas (são vegetarianas), apesar de que algumas espécies criadas em cativeiro ou em casa comam outros tipos de alimentos.

Tamanho Grande

O bico dessa ave está localizado na parte alta de sua cabeça, quase entre os olhos. Elas são conhecidas pelo topete que têm na cabeça. Bico e topete são de cor avermelhadas. Os filhotes mantêm uma cor acinzentada por todo o corpo, até a vida adulta, e depois de adultos, adquirem penas em tons de castanho.

Localização:

O uru é encontrado em alguns locais do Brasil. Do Rio Grande do Sul até o Ceará e também na região sudeste do Mato Grosso do Sul. Fora do Brasil, são encontrados – em menor quantidade – em regiões do Paraguai e da Argentina.

Alimentação:

Como já dito, essas aves são tipicamente vegetarianas, mas podem se adaptar à região onde vive e passar a comer grãos, sementes e até mesmo rações – em caso de vida em cativeiro. Seu alimento favorito são as pequenas frutinhas da planta caruru.

Reprodução:

A época de reprodução varia entre os meses de agosto a novembro. Como são terrícolas (passam mais tempo no solo do que em cima das árvores ou voando), eles também se reproduzem no solo, em tocas ou buracos encontrados, semelhante aos buracos de tatu.

Reprodução em Tocas

Apesar de serem monógamos, várias fêmeas podem usar o mesmo buraco para colocar seus ovos, mas não são do mesmo pássaro macho. O período de incubação do ovo demora de 18 a 26 dias, variando de tipo para tipo dessa ave.

Comportamento:

São terrícolas e costumam passar o dia todo em bandos por meio das árvores. Andam em casais ou em famílias. Quando está em época de reprodução, eles se tornam ainda mais unidos para defender os ninhos.

Eles preferem ficar no solo, e até mesmo quando são ameaçados por predadores, ao invés de voar, usam de suas pernas para correr, ou às vezes, se escondem por entre as folhas das plantas mais baixas.

O Canto do Uru:

O próprio nome uru, já seria uma onomatopeia para representar o canto forte e alto dessas aves. ‘’uru, uru, uru’’. Eles cantam por vários minutos seguidos.

Canto Forte e Alto

Eles usam do canto principalmente em época de reprodução, para atrair as fêmeas. Geralmente, eles nunca cantam sozinhos. Quando um começa, outra ave começa a cantar junto. O canto da fêmea é diferente do macho.

Eles também cantam para localizar os outros membros do grupo.

Por Carol C.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>